Cadeira 35 - RNDS (ROMERO)


Romero Nascimento Da Silva, que assina suas obras como RNDS é um mineiro de natural de Santos Dumont M.G e hoje radicado em São José dos Campos - SP, segundo filho de Francisco Nascimento da Silva ( in memória) e de Maria Aparecida da Silva.

Cursou o 2° grau completo (ensino médio), na Escola João Ferreira da Silva.

Escreve poesias desde os 13 anos, tem um enorme fascínio pela literatura em todos os campos,salvo os grandes mestres, simpatiza muito com a nova geração de escritores brasileiros.

Amante de Artes e Literatura e de Escritores como:

Machado de Assis 

Clarice Lispector

Monteiro Lobato 

Kafka 

Euclides da Cunha entre outros

Tendo um gosto apurado para musicas como:

MPB

MÚSICA CLÁSSICA

Amante das artes cênicas, plásticas e contemporâneas

Tem como suas frases favoritas:

Minhas frases favoritas :

" A felicidade está à um coração de distância do seu..."

"Te amo um dia de cada vez..."



"You and Me"

Te quero poesia
Dentro da minha vida
A pulsar seus versos
de amor e dor

Com benevolência
Misturo a minha essência
a sua
Sentindo te viva
dentro
de mim

Não me digas quem és ,
de uma só vez
Deixe me pouco à pouco
Desnudar te a alma
Iluminado de amor e desejo , tocá la

Procuro te , e seguindo
os rastros de tuas pegadas
Deixadas no solo do meu coração
É este amor que me
guia na escuridão

Silenciosamente me atrai
Dentro fazes de mim único
e inteiramente seu
Não ofereço resistência
Uma vez , que o sentimento
é mais forte e arrebatador que eu

Quem é você poesia..?
Que meus sonhos embala
Fazendo me cativo desse amor
Faz me desesperadamente amá la

Se quebrei alguma regra , não sei
Não era pra se apaixonar
Esse era plano
Mas foi tentando evitar
Que comecei à me aproximar
Agora sem explicação
Te amo


"Eu Cresci..."

Para aí ...
Nem vem que não tem
Já estou cansada da tua
arrogância
Não me faça de alvo , da tua
ignorância

Não nasci pra ser capacho
Ou objeto seu
Toma tento rapaz
Porque eu sou mais eu
Quer que eu desenhe
Será que me entendeu

As adversidades me fizeram
persistente
Enfrento dificuldades
como muita gente
Não sou sexo frágil
Sou forte e independente

De doutora à diarista
Solteira ou casada
A gente só quer ser feliz
Respeitada , e amada
Isso é realidade ,não é
um conto de fadas

Como mulher sou grande
Te assusta minha emancipação
Minha independência ,
o uso da razão
Usa violência pra machucar
meu coração

Mas eu olho pra Deus
Que também olha e cuida de mim
Das minhas dores , angústias ,
e sofrimento
Vês meu sorriso e não sabes
o quanto choro por dentro

Quando a mulher é grande
No que vive, o que pensa , e no que faz
Muitos homens acabam se sentindo
pequenos demais
Pois já não têem argumentos
para questionar
Mulher forte , independente nasci
pra brilhar


"Excelência da poesia"

Toca amor meu
Com a leveza e a suavidade
O talento que Deus lhe deu
Vai encantar corações

Não se reprima ao cantar amor
Coloque romantismo , sonhos , nostalgias
Espalhando o bem querer
Distribuindo alegrias

É mais forte que você
Não podes resistir
A dádiva que recebeste de Deus
Terás que repartir
Pois carregas na essência , o dom
de servir

Toca com amor
Vista sua fantasia
Torne mais bela a realidade
Cantando o amor em versos
Faz da vida uma poesia

Pois sempre vens em hora certa
Em pensamentos e inspirações
Fizeste de mim poeta
Encantador de corações

Romero Nascimento da Silva (RNDS)

"Dedicado à todos(as) poetas e poetisas ...
Que como eu , amam a arte de versar o amor !"


"Anjo Caído"

Me fez acreditar
Que poderia voar
Coloquei minhas
asas
E mais uma vez
Achei que era possível
amar

Então comecei a sonhar
Um sonho lindo entre nós dois
E te amei , desesperadamente
Sem se dar conta
da dor
Profunda e cruel
que viria depois

Minhas ávidas asas
Não suportaram o peso
da desilusão
Fui às alturas
Por você fiz loucuras
Sim, eu te amei
E do mais alto desse
amor , despenquei

Numa queda livre sem
fim
Mergulhando no vazio
Que se formou dentro de mim
Cenas do amor que vivemos
um dia
Passaram em minha mente,
enquanto caía

As pedras vão aumentando
de tamanho
E começei à chamar por você
Senti naquele momento exato
A força devastadora do impacto
A rejeição , o abandono ,
o esquecimento
Havias desprezado meus sentimentos

Com enorme esforço
Meus olhos fixos no céu ,
buscam por você
Nem que seja de longe
Preciso te ver
Grande é a dor que me consome
E já agonizando
Meus lábios entre abertos
Pela última vez chamaram seu nome ,
a dizer ...
Eu te amo


"Te declaro amor"

És anjo do amor
És encanto e paixão
Descrevo te em poesias
Saídas do coração

Que por você
Pulsa ardentemente
A dizer que te quero
Pra me fazer presente
Ainda que em sonhos
Ou em fantasias

Te declaro o amor
que sinto
Nos meus versos
Em poesias
És minha flor

Meu anjo de candura
O gosto terno de um
beijo
Que a boca procura
No laço do teu abraço
O seu toque de ternura

Com um carinho que não tem fim
Como se tivessem dois corações
Pulsando dentro de mim
A cada pulsar do meu
Posso sentir e perceber
Dentro dele pulsa você

És de essência divina
Meu anjo de amor
Que me tem e me fascina
Minha doce amada
Minha eterna menina


"Afagos no coração"

Carinhoso amor
Ardente de desejo
Com lábios a procura de um beijo
Sentir teu calor

Silencioso querer
Ficar abraçados
Como dois apaixonados
Sentimento que no silêncio
Se faz entender

Amar você
24 horas por dia
Te fazer companhia
Ser tua calma , a alegria
Matar no seu peito essa vontade
De se sentir desejada
Sentir se amada

Razão de ser
Minha flor mais bela
Meu anjo na terra
Paixão que une a gente
Alguém distante
Amor presente